Prefeitura de Fortaleza promove ações voltadas ao Maio Amarelo

Seguindo a programação do ‘Maio Amarelo’ 2018 promovido pela Prefeitura de Fortaleza, a Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), por meio da sua Célula de Segurança Viária (Cesvia), montou um calendário de ações educativas para toda a cidade. As abordagens focam, principalmente, no uso de equipamento de segurança como cinto e capacete, além da cadeirinha para as crianças.

A iniciativa, que tem a participação de guardas municipais, teve início no último dia 7, na região da Avenida Godofredo Maciel, na Maraponga. “Nossas ações serão realizadas nas segundas, terças e sextas-feiras. Na abertura dos nossos trabalhos, concentramos nos motociclistas, alertando sobre o uso adequado do capacete, bem como entregamos panfletos com dicas de segurança no trânsito”, explicou o responsável pela Cesvia, inspetor Henrique Martins. As blitze educativas seguiram ontem, na Avenida Frei Cirilo, em Messejana. “Em duas tardes de trabalho, abordamos mais de 200 motoristas, que além de ouvirem dicas para a sua segurança, receberam um laço amarelo simbolizando o movimento”, disse Martins.

A programação educativa segue até o dia 29 de maio e pretende passar por bairro como Centro, Aldeota, Monte Castelo, Cristo Redentor, Rodolfo Teófilo, entre outros.

O Maio Amarelo em Fortaleza

O ‘Maio Amarelo’ 2018 é um movimento internacional que busca chamar atenção para a urgência do tema da segurança viária em todo o planeta. Em Fortaleza, a campanha é realizada pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) com apoio da Iniciativa Bloomberg para Segurança Viária Global, e visa chamar a atenção para melhorias no trânsito da cidade, oferecendo melhor infraestrutura e garantias, especialmente, para os usuários mais vulneráveis no trânsito, desta vez com foco no pedestre. Para isso, durante todo o mês de maio, uma série de atividades serão realizadas em diversos pontos da Cidade.

O movimento

O ‘Maio Amarelo’ surgiu por iniciativa do Observatório Nacional de Segurança Viária, que articula esforços do poder público e da sociedade civil para alertar a população para o drama das mortes nas ruas e estradas do país. O mês representa um marco no combate às mortes no trânsito porque foi em 11 de Maio de 2011 que a Assembleia Geral da ONU declarou o período 2011-2020 como a Década de Ação para a Segurança Viária. A política de segurança para o trânsito da Prefeitura de Fortaleza tem apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *